02/08/2009 Lenda ''Baby-Sitter''


Um casal sai para jantar e deixa a babá sozinha na casa tomando conta de seus dois filhos. É uma casa grande, de dois andares, afastada de qualquer outra moradia. A garota põe as crianças na cama e vai assistir televisão. Já é tarde, ela está sozinha, não há nenhum barulho na casa além da TV, quando toca o telefone... Quem estaria ligando àquela hora? Seriam os pais das crianças para saber como tudo estava? Ela decide atender, mas do outro lado, após instantes de um silêncio aterrador, ela houve uma gargalhada histérica e a frase "Estou aqui em cima com as crianças, seria melhor você subir". A babá bate o telefone e aumenta o volume da televisão. Passado o susto inicial, ela se convence que aquilo não passara de um trote, algum amigo fazendo uma brincadeira de mau gosto. Volta a prestar atenção na TV e tenta esquecer o susto. O telefone toca novamente e tudo se repete, a inconfundível gargalhada, seguida da mesma frase. Dessa vez ela fica realmente
assustada, se era uma brincadeira já tinha passado do limite. Decide então ligar para a companhia telefônica, o operador diz que informará a polícia e pede para que, caso ela receba nova ligação, tente se manter na linha por algum tempo, para que a ligação possa ser localizada.
Ela fica esperando, já não consegue mais assistir a televisão, o silêncio da casa agora passa a incomodá-la... quem estaria fazendo aquilo? Se fosse um amigo já teria se identificado.. E os pais das crianças, por que não chegavam logo e acabavam com aquele sofrimento? Nisso toca o telefone e tudo se repete, mas dessa vez ela tenta manter a ligação por mais tempo... em vão, parecia que ele sabia de algo e logo desligou. Já em desespero ela desliga o telefone, que toca logo em seguida... ela não quer atender, não agüenta mais aquela tortura... mesmo assim tira o fone do gancho, mas agora é o operador da companhia telefônica que grita "Saia da casa, ele está na extensão..." Nisso a babá ouve passos na escada... era ele... tinha que sair dali... não ia dar tempo, ele ia pegá-la... só restava correr, sair da casa o mais rápido possível... do lado de fora é contida por um homem, era um policial, que tenta acalmá-la.
Os policiais invadem a casa, chegando lá, se deparam com um homem armado com uma grande faca. Ele entrara na casa por uma janela aberta no andar superior, já havia matado as duas crianças e se preparava para atacar a babá quando esta saiu da casa.
Digg it StumbleUpon del.icio.us

1 comentários:

Postar um comentário

 
Melhor visualização no navegador Google chrome