10/07/2010 Poema "A Face do meu eu"


Será que ainda sei quem sou ?
Busco no orvalho da manhã
E na escuridão da noite a face
Do meu eu interior...
Ouça!companheiros da madrugada
Os gritos do meu silêncio,já
Não sei quem sou,como posso
Ouvir minha voz?que ecoa pelas
Vagas estradas dessa noite..
Sombria e amarga
Me escondo atrás de mascaras
Dos solitarios....em meio a
Madrugada estou face a face
com meu eu.
Vi meu reflexo num lago de águas
limpidas,quem sois a pessoa
Que reflete ali?
Mulher?menina?ou a outra face
do meu desejo interior..
Boa noite face adormecida!
Não brinques com meu eu interior
E ela quem dá as cartas agora !

Enviado por :Mi-Yuumii Can
Digg it StumbleUpon del.icio.us

0 comentários:

Postar um comentário

 
Melhor visualização no navegador Google chrome